quinta-feira, 28 de outubro de 2010

"Tinha um cheiro inconfundível de alegria"


“Havia algo que tinha um cheiro inconfundível de alegria. De vida abraçada. De chuva quando beija a aridez. De lua quando é cheia e o céu diz estrelas. Um cheiro da paz risonha do encontro que é bom."

Ana Jácomo

8 comentários:

Nira disse...

Gostei do texto!

uma louca pela vida... disse...

Amor?

Carla Farinazzi disse...

Lindo, Fê

Beijo

Carla

Butterflies disse...

Havia alguma coisa no ar, que fazia ele ficar mais doce, mais suave. E eu sabia o que era, só tinha medo de admitir.

disse...

Há muito tempo ando procurando de novo esse cheiro por aí!!!

Palavras Eternizadas em pingos de Luz! disse...

---Fabuloso, seu espaço...
estou seguindo este conteúdo incrível!

Um abraço Rafah.
http://eternizadoempalavras.blogspot.com/

floraisonline.net disse...

Que lindooo esse blog!

Mikaele Tavares disse...

Gostei do texto!!!

quero sentir esse cheiro também =)