quarta-feira, 4 de agosto de 2010

"Uma certa pressa de ser feliz e não perder um minuto se quer"


"Hoje me deu vontade de agradecer à vida. Hoje percebi que devo agradecer todos os dias pelo sorriso sincero, o abraço apertado, o beijo de boa noite, o sermão escutado. É que hoje me deu vontade, involuntária/natural, de amar. Uma certa pressa de ser feliz e não perder um minuto se quer. Hoje eu amo, ontém eu amei. E o mais incrível é que vou amar amanhã."


Arthur Gouveia


Foto: Arthur Gouveia

24 comentários:

Aline disse...

Belíssimo texto!

Patricia s2 disse...

Também ando com essa pressa...pressa de ser feliz e de amar tbm.

Butterflies disse...

Devemos esquecer os nossos problemas e ser feliz. Amar todos incondicionalmente e depois não se arrepender. Porque qual seria a graça da vida se não aproveitar?

Heat disse...

Obrigada por essa linda citação.

Jaam . disse...

divino, é como se eu lesse meus próprios sentimentos *--*

Ana SS disse...

Gracioso.

Cristina Maria disse...

Perfeitinho

Gabiii disse...

doce como música boa....

Laari disse...

ooi, Amei seu Blog!! To seguindo você ja :)e adorei o texto ^^
Bjnhoos:**


http://meumundoloove.blogspot.com/

Insana disse...

Amanha vou me lembrar de agradecer pelo sol..

hj agradeço a vc pela linda postagem.

bjs
Insana

Mikaele Tavares disse...

Que texto legal!!!!

É sempre bom agradecer a vida..Isso faz bem para alma.

Adorei.

Beijoss

Nicolau Ponte Preta disse...

Olá td bom estou divulgando este Doc.
Se puder assitir, valea pena.Obrigado.

http://nosolhosdaesperanca.blogspot.com/

Resenha


Jânio é um rapaz de vinte anos que foi preso na orla da praia da Cidade de Praia Grande confundido de fazer parte de um grupo de jovens que promoveram um arrastão. Mesmo sem provas ficou preso durante 11 meses. Leide e Francisco a mãe e o pai de Jânio precisaram lutar para provar a inocência do filho, enfrentando a principal dificuldade que esbarra num problema social ainda não resolvido no Brasil.

"Ser pobre é ser culpado até que se prove ao contrário?"

j maria castanho disse...

Na Afinação da Sintaxe

O meu sentir tem o cheiro das brisas do mar azul indomesticável
E os trejeitos simples das papoilas silvestres das searas trigueiras
De quando o vento sussurra intrigas à planície luminosa e fértil
Plena de maresia e sôfrega de meus olhos em si derretidos e desmaiados

E veste os mantos do negro estudantil em que esvoaça liberta
Afinando as horas pelo Abril de balada que ao fado acerta.
E joga comigo ao esconde-esconde de janela em janela, estar e ir,
Essa que eu mil vezes fixo nos fins-de-semana e feriados longos
Como se ela fosse a resolução de todos os meus problemas e hiatos.
Qualquer coisa como a moldura única de todas as minhas narrativas.
Universo ilimitado para o jogo de todas as minhas metáforas e elipses.
Campo de batalha para todas as minhas alegorias, imagens e sinédoques.
E comparações e prosopopeias e metonímias e ironias e alucinações.

Que nem ela fosse a revelação dos sonhos nas milhares de galáxias
Por descobrir e desvendar à plenitude dos corpos e das planícies
Ao infinito brilho de estrela que há em seus olhos de medir o céu.

Porque transporta consigo a esperança e fulgor dos ancestrais
Os genes que me faltavam para eu resumir a história da humanidade
Num só capítulo, todo ele de ir à escola e brincar pelas veredas
Correr pelas estradas à desfilada com o vento, voando sobre as estepes
Acendendo aqui e ali pequenos nenúfares de estames solfejados
Assobios de canoras aves ao despique com a madrugada que vestes
Mantos de violetas bravas sobre as muralhas de qualquer colina.

Arthur_Gouveia disse...

é a mesma sensação de fechar os olhos e sentir o vento lavar meu rosto...


viva vida!

Jéssica Dias disse...

AHAAAAAAAAASA!

Arthur tem o dom de transformar nas palavras certas os sentimentos que afloram. Assim, singelo.

Déjà Vu disse...

Ser feliz é se entregar ao fascinio da existencia´e se entregar a vida
E a vida nao é um racunho, pois nao temos tempo de passa-la a limopo!!

http://momentodejavu.blogspot.com/

Seguindo te

http://momentodejavu.blogspot.com/

ENTRE LA TB E COMENTE
E SIGA!!!!

Bianca Sousa disse...

aiii, q lindo! é de uma sinceridade e doçura! adorei! =D

wcastanheira disse...

Lindo texto, um belo momento de reflexão, é bom qdo algo escrito leva-nos à pensar gostei muito de passear por aqui, pra vc minha linda bjos, bjos e bjossssssssssssss

Grasi disse...

Adorei...
Tudo lindo por aqui... já te sigo, tá?!
Bjão e um super domingo prá ti :)

AVOGI disse...

nao resisti a ler alguns trechos do blogue. gostei. já me fiz sócia (per)seguidora do blogue. virei cá mais vezes. kis e boa semana.

Leandro Costta disse...

Muito bom!
seguindo! XD

Insana disse...

Eu tenho tanta presa tanta que me perco e tardo a chegar.

bjs
Insana

Paulo Leandro B. Pereira disse...

Belíssima ponderação. :) To tornando-me seu seguidor.

Se der visita meu blog.. sou novinho na área.

Abraços.

Renata disse...

Agradeço a Deus o dom da vida....pq viver é amar!!!