quarta-feira, 5 de agosto de 2009

“Às vezes a gente pensa que está dizendo bobagens e está fazendo poesia”


“Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente, e não a gente a ele!”


“Dupla delícia: O livro traz a vantagem de a gente poder estar só e ao mesmo tempo acompanhado.”


“Quem faz um poema abre uma janela. Respira, tu que estás numa cela abafada, esse ar que entra por ela. Por isso é que os poemas têm ritmo, para que possas profundamente respirar. Quem faz um poema salva um afogado.”


“O leitor que mais admiro é aquele que não chegou até a presente linha. Neste momento já interrompeu a leitura e está continuando a viagem por conta própria.”


Coisas de Quintana, como é lindo este rapaz (reforço um texto que já escrevi aqui, pra mim eles nunca morrem)

2 comentários:

Lu disse...

Fê, gostei do teu cantinho :)
Voltarei mais vezes!
Beijos

Daniel disse...

Pois é eu vivo dizendo bobagens, se eu fosse escreve tudo em um livro daria ate um livro legal de poesias , mais sem noçao mais daria...

poste Supimpa!!!