terça-feira, 26 de maio de 2009


"Você sabe que não sou mulher de arrependimentos, de olhar pra trás, essas coisas. A gente tem que mirar no alvo e atirar, pronto, foi. A flecha não volta. Se acertamos ou erramos, não tem volta. Foi assim que levei a vida sempre..."


Caio F. Abreu

2 comentários:

' a Ana é azeda. disse...

Eu grito o mais alto que posso: 'Caio que salva sempre'... Algo mais ou menos como: eu caio e Caio me ergue de volta pra vida!

E sim, eu sigo, eu sou fã de minorias! (:

beijo :*

Agnes disse...

Senhorita Fernanda! :) Vi seu "recado", rs! E, sinceramente? Impossível não se deixar tocar por tudo isso aqui. =) Ah, me desculpa, mas tive que Favoritar este blog.
Caio F. não tem me deixado estudar. rsrs!


Sucesso e Luz, Fernanda!
Amanhã passo por aqui. rs!